Falta de atenção do homem - as mulheres dão a máxima atenção aos pequenos detalhes enquanto que os homens  têm tendência a ignorar as coisas que deixam as mulheres felizes. Não se lembram de datas especiais, do que elas trazem vestido, fazem tudo a correr como se tivessem pressa de ir para outro lugar qualquer.

Estar com alguém sem gostar verdadeiramente - Quando uma mulher se envolve com um homem sem sentir o mínimo de afecto por este vai andar sempre a procura de alguém que preencha esse requisito o que acabará por fazer com que haja traição.

Perder a admiração - toda a mulher gosta de admirar um homem por aquilo que ele é e por aquilo que este possui ou alcançou, se a mulher perder a admiração por um homem, não o vai respeitar e consequentemente irá traí-lo.

Ter a certeza que ainda ama o seu companheiro - Muitas mulheres chegam a uma fase da vida em que questionam se ainda amam o seu companheiro como antes, e muitas das vezes a forma de tirar essa dúvida a limpo é traindo o companheiro.

Vingança - As mulheres traídas são o pior inimigo que um homem pode ter, estas são capazes de tudo só para voltar a sentirem-se bem consigo mesmas e provar que ninguém as pode pisar ou até mesmo enganar.


Conjunto 3 Toalhas 
Havaianas- Branco | Azul | Beringela
21,9€
Sugestão para uma prenda de Natal com muito bom gosto
Ecrã rotativo, diga lá se não é o máximo!
Leitor de DVD portátil 
com visor LCD de elevada densidade (800x480 pixels)
LCD digital de 9"/ 23 cm 6 horas de reprodução 
PD9060/12 

 Veja preços e disponibilidade  na Worten

Leitor de DVD portátil da Philips

Publicado em novembro 26, 2010
Sugestão para uma prenda de Natal com muito bom gosto Ecrã rotativo, diga lá se não é o máximo! Leitor de DVD portátil  com visor LCD de e...
A colecção Fall/Winter da Massimo Dutti está a ser um sucesso mundial ...
...o glamour do branco nos casacos mais quentinhos...
...com um estilo chic desportivo...
...ou num look mais romântico...
...vai estar sempre pronta...
...e muito descontraída...
...para uma aventura de dia...
...ou de noite...
...e muito, mas muito sensual...

Veja tudo, e veja mais em massimodutti









Look Massimo Dutti , cheio de glamour

Publicado em novembro 25, 2010
A colecção Fall/Winter da Massimo Dutti está a ser um sucesso mundial ... ...o glamour do branco nos casacos mais quentinhos... ...com um es...
A utilização do pinheiro durante o solstício de Inverno remonta a tempos esquecidos, sendo o seu uso como símbolo decorativo na quadra natalícia relativamente recente – a ideia teve a sua origem na Alemanha do século XVI e depressa virou moda, tornando-se cada vez mais bela.


 A primeira árvore de Natal artificial foi criada em 1930 pela Addis Brush Company, uma empresa que produzia piaçabas, por isso, imaginem os modelos iniciais! Dada a sua praticabilidade e durabilidade, as árvores de Natal artificiais tornaram-se muito populares, estando cada vez mais sofisticadas. Mas a tradição ainda é o que era, ou não? Se continua na dúvida, conheça as principais vantagens e desvantagens destas árvores antes de escolher.

Árvore de Natal verdadeira
Vantagens
É biodegradável, sendo a opção mais natural, mais amiga do ambiente.
Disponível em vários tamanhos.
O aroma agradável do pinheiro.
Absorve o dióxido de carbono e outros gases nocivos, libertando oxigénio fresco para o ar.
Depois do Natal, pode plantá-la no jardim.
A escolha da árvore pode tornar-se uma tradição familiar.

Desvantagens
Disponível apenas em verde.
Contribui para o abate de árvores.
É uma tarefa morosa: a árvore tem de ser bem escolhida, tendo em conta o espaço onde vai ser colocada; se não, terá de ser cortada.
Os ramos começam a desfazer-se, caem e sujam o chão à volta da árvore.
Precisa de ser regada.
Pode apodrecer, por isso, não pode estar exposta durante muito tempo.
Muito pesada.
Transportar a árvore até casa e desfazer-se dela depois da quadra natalícia pode ser uma tarefa complicada.
Apresenta risco de incêndio se não for correctamente vigiada.
Pode provocar alergias.
Acaba por ser mais cara porque todos os anos é necessário comprar uma nova.

Árvore de Natal artificial
Vantagens
São cada vez mais parecidas com os pinheiros naturais.
Disponível em vários tamanhos.
Disponível em várias cores.
É fácil de desmontar e não ocupa muito espaço.
Não precisa de ser regada.
Não apodrece, por isso, pode estar exposta durante muito tempo.
Bastante leve.
Muitos modelos são anti-inflamáveis.
Não provoca alergias.
Acaba por ser mais barata porque compra-se apenas uma e esta dura vários anos.

Desvantagens
Não é biodegradável, sendo a opção menos natural, menos amiga do ambiente.
Não pode ser reciclada.
Alguns modelos têm um aspecto muito “plástico”, demasiado artificial.
Requer tempo de montagem e esta nem sempre é muito fácil.
Não tem o aroma agradável do pinheiro.
Apresenta risco de incêndio se não for correctamente vigiada.

fonte: http://eudecoro.com
Em grande estilo com os casacos estilo aviador da Burberry
Pode usá-lo com roupas mais finas por dentro que não vai sentir frio...
...e até vai dar vontade de tomar café na esplanada em dias de sol e muito frio...
Vai sentir-se sempre linda...
Veja mais em Burberry




Look Burberry , o casaco estilo Aviador

Publicado em novembro 20, 2010
Em grande estilo com os casacos estilo aviador da Burberry Pode usá-lo com roupas mais finas por dentro que não vai sentir frio... ...e até ...
A actriz e modelo Olivia Palermo posa para a Mango com um estilo um pouco diferente do que estamos habituadas a vê-la...
...mas linda como sempre...
ela surpreende ...
seduz...
sem deixar nada por dizer...





Look de Olivia Palermo para Mango

Publicado em novembro 19, 2010
A actriz e modelo Olivia Palermo posa para a Mango com um estilo um pouco diferente do que estamos habituadas a vê-la... ...mas linda como s...
As boas maneiras devem ser enraizadas desde muito cedo e há coisas, que devem cumprir determinados requisitos e limites bem explícitos na vida profissional. Assim, comportar-se no local de trabalho, não é igual à forma como se comporta em casa, com a sua família. Leia com atenção e aprenda, qual o comportamento correcto na vida profissional.
Quando se entra pela primeira vez para um qualquer emprego, deve de antemão adaptar-se à estrutura da empresa em causa. Aos poucos, deverá ir interiorizando os hábitos da casa e perceber aquilo que as pessoas pretendem realmente de si. Ao trabalhar deve ter sempre uma atitude positiva para com os seus colegas e para com o trabalho que se propôs realizar de início.

O profissionalismo e a competência são muito importantes. Deve ser uma pessoa esforçada e dedicada ao trabalho, primando pela pontualidade e cortesia com os seus colegas e superiores. Se ocupar uma posição de chefia, não se esqueça que deve ajudar as pessoas sempre que sentir que as mesmas estão com alguma dificuldade ou problema relativamente ao trabalho. Não seja arrogante ou prepotente para com os seus submissos, e não exija demais das suas disponibilidades.

A sinceridade e lealdade são imprescindíveis. Um bom ambiente de trabalho deve ser recheado de boa disposição e de profissionalismo, sem nunca cair na vulgaridade. As intrigas ou as faltas de honestidade, apenas promovem um ambiente vazio de profissionalismo e de boa educação. O que se passa no local de trabalho é da extrema responsabilidade das pessoas que lá trabalham mas, apenas isso. Todas as componentes da vida pessoal de cada um devem ser salvaguardadas e qualquer intromissão na vida privada, não se enquadra nas regras da boa educação profissional.

No local de trabalho, as mulheres não devem ir de saias ou decotes demasiadamente abusivos, podendo ser encaradas com outra perspectiva que não a profissional. A ascensão das mulheres a altos cargos profissionais, deve ser feita somente segundo o seu profissionalismo e competência. Quando a mulher tiver um superior do sexo masculino, este deve tratá-la segundo o seu grau de desempenho na empresa e não tendo em conta o seu sexo ou a sua beleza exterior.

Ao falar com o seu chefe, deve fazê-lo de maneira natural sem abusar da confiança mas, ao mesmo tempo sem se inferiorizar. O seu superior é uma pessoa igual a si, mas com um cargo superior por isso, não admite qualquer tipo de humilhações. Subordinados e superiores devem ser tratados com igual respeito e cortesia, sem ferir susceptibilidades de ninguém.

Faça por manter um bom ambiente de trabalho e não crie atritos indesejáveis com ninguém. Se a situação se verificar, o mais certo é causar mau ambiente e diminuir o rendimento e a produtividade prevista inicialmente. Relativamente aos colegas, superiores ou subordinados, sempre que se apresenta uma pessoa a outra, deve frisar bem qual o seu grau hierárquico, bem como o seu primeiro e último nome.

As boas maneiras devem ser sempre conservadas, sem nunca se abusar das mesmas ou abdicar demais delas. Na vida profissional bem como em qualquer outra circunstância do quotidiano, manter as boas maneiras é fundamental. O que acontece é que no dia a dia o máximo que podemos sofrer é um olhar reprovador, mas no local de trabalho as consequências podem ser bem mais graves.

As boas maneiras no seu local de trabalho

Publicado em novembro 19, 2010
As boas maneiras devem ser enraizadas desde muito cedo e há coisas, que devem cumprir determinados requisitos e limites bem explícitos na vi...
Parece ser uma aliada mas, nas suas costas, é mais traiçoeira que o primeiro amor do seu marido. Sorrisos para ali e ordens para acolá, esta pode ser a sua Sogra de Estimação.

As sogras são um verdadeiro problema para muitos casais, mas existem outras que conseguem viver em plena harmonia com filho e a respectiva companheira. Ainda que se assista a esta escassa realidade, o papel da sogra nos dias de hoje é de uma pessoa intrometida e que muito dificilmente aceita a total independência do filho. Motivo: puro ciúme!

Nos dias que correm ouve-se, em diversas situações, homens/mulheres a falarem das suas sogras. Normalmente, a opinião é unânime - só causam problemas ao casal. Esta ideia de que a sogra é uma chata, intrometida, que exige as coisas feitas à sua maneira num espaço que não lhe pertence, está relacionada com a questão da independência. O filho já homem casa-se e segue o seu destino, mas para as mães estes precisam sempre delas e jamais conseguirão sobreviver sem as suas opiniões ou longe do amor materno.
Por isso, e movidas pelo ciúme, há sogras que passam a maior parte do tempo em casa dos seus filhos, arrumando-lhes a casa à sua maneira e tomando conta do lar, segundo os seus gostos e desejos, sem tão pouco se importarem com a privacidade do casal. No fundo, acabam por sentir ciúme das suas noras, pois agora quem lhes engoma a roupa são elas, quem lhes serve a refeição são elas, e é a elas que dedicam todo o seu tempo quando chegam do trabalho. Este ciúme é compreensível, desde que não ultrapasse os padrões da normalidade e do entendimento.

Uma sogra normal e, dedicada moderadamente ao seu filho, jamais critica a sua nora em frente a ele ou a coloca contra este. A sogra deve ter a noção que aquela é a futura mãe dos seus netos e que, por isso, pode esboçar as suas opiniões, mas nunca exigir que o casal as siga só porque ela assim o entende. A vida do casal é um mundo alheio ao da sogra, e esta nunca se deve intrometer nos problemas deles ou tomar partidos desnecessários.

Outro problema muito comum, é o facto de as sogras apreciarem bastante dar conselhos, quase em tom de ordem, na conduta correcta para a educação dos seus netos. É preciso que se apercebam que podem dar conselhos, mas nunca interferir na educação dos mesmos. Como as sogras já tiveram o seu tempo de educadoras, chegou agora a vez dos seus filhos também o fazerem. Perceber o significado da palavra independência é uma regra fulcral e que, infelizmente, nem todas as sogras compreendem o sinónimo.

Todavia, existem sogras que são quase como que uma mãe para as suas noras. Ambas dão-se bem e há mesmo um laço de cumplicidade e de carinho muito próximo. Esta relação só é possivel acontecer, caso a sogra e a nora tenham feitios semelhantes e equilibrados. Convém não esquecer que os atritos com a sogra, partem também muitas das vezes dos feitios das noras. Deve saber criar-se uma relação longe de conflitos e baseada na cumplicidade, mas só se ambas fizerem por isso.

Se a sua sogra é uma daquelas que gosta de interferir em tudo, tente falar com ela e explicar-lhe a situação ou então peça ao seu companheiro para o fazer. Se é dos tais casos em que a sogra é uma das suas melhores amigas, conserve sempre essa relação. Em qualquer dos casos lute por um melhor relacionamento, pois quer queira, quer não, essa é a sua Sogra de Estimação!

Fonte: mulher portuguesa

Ai as sogras de estimação!

Publicado em novembro 18, 2010
Parece ser uma aliada mas, nas suas costas, é mais traiçoeira que o primeiro amor do seu marido. Sorrisos para ali e ordens para acolá, esta...
Acabadinhos de chegar na Net a Porter
Quem disse que o Azul não é tão sexy como o Vermelho?

Sexy, frente e verso

Para as mais arrojadas...
...e sensualmente mostre o seu lado mais formal!





Look very blue da Net a Porter

Publicado em novembro 15, 2010
Acabadinhos de chegar na Net a Porter Quem disse que o Azul não é tão sexy como o Vermelho? Sexy, frente e verso Para as mais arrojadas......
Claro que nem todos os homens são iguais e nem todos são atraídos pelo mesmo tipo de mulher, mas em geral podemos dizer que a primeira coisa para onde eles olham é:

1 - Seios - Se achavam que eles olhavam primeiro para os vossos lindos olhos para vos prescrutar o íntimo e avaliar a subconsciente e procurar indícios de alma gémea, estão a apontar demasiado lá para cima. Eles até podem passar pelos olhos, mas escorregam à velocidade da luz e só páram (quando páram) no decote. Em havendo decote, não precisa de ler o resto do artigo. Em não havendo decote, ou em não havendo decote suficientemente vertiginoso para lhes reter a atenção durante mais de dois segundos, então talvez subam (com um pequeno suspiro) em direcção aos olhos. Mas atenção: seios grandes só funcionam se a cintura for fina, se toda ela for grande, nada feito.

2 - Pernas - Há quem diga que deviam ter o primeiro lugar. Se calhar deviam. Se calhar têm. Palavras para quê.

3 - Roupa feminina - Tudo depende do que eles acham que é feminino. Basicamente, em termos de moda eles encalharam todos nos anos 80. Adoram uma mulher vestida de vermelho-fogo, com saia justa, maquilhagem à matadora, e saltos altos. E cabelo comprido, evidentemente. E loiro, evidentemente. Botas bicudas, nós amamos porque nos dão umas pernas mais compridas, mas eles odeiam, acham que vamos dar-lhes pontapés das canelas.

4 - Cabelo - Para já, odeiam cabelo curto. Desperta os fantasmas homossexuais que há neles. Gostam mais de alguma coisa onde se possam agarrar. Nós achamos que estamos despenteadas, eles acham que estamos agradavelmente selváticas. Então se se for loura, passa automaticamente para característica reparável nº1. Se não for loura, passa para nº 10 porque eles só notam que não é loura, a não ser que esteja de férias na Dinamarca. Se for loura, não interessa que seja falsa ou verdadeira, porque eles não dão por isso (não lhes interessa nada como é que o conseguimos, isso é lá connosco, só lhes interessa o facto de se ser loura). Também são incapazes de perceber se estamos ou não maquilhadas, só reparam se estamos mais giras ou menos giras. Não se sabe muito bem de onde vem este fascínio pelas louras, parece que são mais luminosas e eles sofrem todos de imensas dioptrias e dá-lhes menos trabalho assim de repente descobrir onde é que está uma loura.

5 - Altura - As baixinhas podem ser engraçadinhas mas têm logo menos poder de sedução, para já porque dão menos nas vistas, têm menos território por onde espalhar as suas qualidades, e além disso os homens são preguiçososo e não lhes apetece mexer o pescoço para olhar muito para baixo.

6 - Boca - Os homens são bastante mais pré-históricos do que nós (embora eles gostem de pensar que não) e uma boca polpuda é sinal de que se é uma boa reprodutora. Claro que isso é a última coisa que lhes passa pela cabeça (pelo menos conscientemente, e pelo menos à maioria deles que não querem ser patriarcas, ou pelo menos não neste momento). O que eles verdadeiramente apreciam é uma boca que lhes apeteça beijar. Convém que não esteja coberta de baton com um ar demasiado peganhento, que lhes desperta fantasmas de plantas carnívoras. Também convém que seja sorridente. Os homens adoram mulheres ‘divertidas', quer dizer, que não compliquem nem façam ondas quando ele quiser ficar a ver o Benfica num sábado à tarde em vez de vir passear ao Guincho.

7 - Cintura fina - Mas se for tudo fino tipo tábua de passar a ferro, vai passar por eles como um holograma, nem vão reparar que entrou alguém na sala. Mesmo que simpatize consigo, vai tratá-la sempre como o seu irmão mais novo, dizer que é uma tipa porreira, dar-lhe palmadões nas costas, convidá-la para jogar hóquei com ele ao sábado de manhã, enganar-se no seu nome até ao fim da temporada, e gritar "remata, Zé Manel, remata!" sem quaisquer segundas intenções.

8 - Rabo - Tal como nos seios, um rabo grande só conta como qualidade se vier acoplado a uma cintura fina, coisa que para nossa desgraça raramente acontece. Se tudo for grande, vão achar que é um clone da mãezinha deles, ou da ‘mulher' do Botero que está no Parque Eduardo VII. Outra desgraça é que nós passamos o tempo a tentar diminuir a parte de trás de maneira a que caiba nas calças de ganga, e eles adoram que se tenha qualquer coisa para mostrar.

9 - Olhos - Pronto, já cá estamos. Aliás, em vez de ‘olhos' devia constar ‘pestanas'. Mas eles não olham para nós e mergulham lá dentro, como nós fazemos, não, permanecem a dar braçadas à superfície. Como são bastante básicos, não conseguem distinguir pelos seus olhos se você é uma boa alma ou uma desgraçada vingativa que lhe vai fugir com o multibanco e com o MP3 quando ele for ao bar buscar-lhe um cafezinho. Só conseguem ver se são azuis ou castanhos, grandes ou pequenos, mas basicamente nem é que reparem muito nisso, só notam vagamente se são ‘giros'. O resto das características dos olhos eles nem sabem as palavras para os descrever, o que também não interessa nada.

10 - Voz - De cama. O que se entende por voz de cama: baixa e rouca. Quem tem voz de cama geralmente fuma três maços de cigarros por dia e tem uma pele de pergaminho, mas eles não ligam muito à pele de pergaminho, desde que não se pareça que se tem 100 anos. Também não ligam muito ao facto de irmos morrer de ataque de coração antes dos 40. Do que eles gostam é de uma boa voz de cama. O que eles odeiam: uma voz estridente e alguém a rir muito alto e a contar anedotas que eles não percebem.


3 coisas a que nós ligamos...

... mas eles não.

1 - O nosso trabalho- Até podemos trabalhar num talho, se formos talhantes altas e louras, vão achar lindo, mesmo que sejam condes. Só começam a preocupar-se um bocado depois de terem ido para a cama connosco 5 vezes.

2 - Alguns quilos a mais - Claro que, se formos baleias, eles vão achar exactamente isso, que somos baleias, e aí nada feito. Mas o conceito de baleia para eles é bastante mais realista: é preciso mesmo que se seja uma baleia. Se formos apenas um bocadinho rechonchudas, vão achar lindo. Aliás, nem vão achar nada, nem dão por isso.

3 - Perfume - Nós achamos absolutamente imprescindível, passamos horas na perfumaria a tentar escolher o mais sexy, sentimo-nos nuas quando saímos de casa sem ele. Os homens só notam se tivermos despejado o frasco em cima. E estivermos nuas.


Estamos habituadas a histórias de amor sofridas e dramáticas, mas as verdadeiras histórias de amor, as que funcionam, são simples e diretas e sem complicações. Claro que há sempre a exceção que confirma a regra: mas se um homem está a fazê-la sofrer, o mais provável é que esteja a gastar energias preciosas com alguém que não nasceu para si e que nunca a vai fazer feliz.

O primeiro mandamento é: se um homem está interessado em si, esteja descansada que você vai saber. Ter uma relação que funciona deve ser simples, dizem os psicólogos: não deve exigir longas noites de insónia a rever todos os passos, não deve requerer angustiadas conversas com a sua melhor amiga a dissecar tudo o que ele lhe disse e não disse, não deve incluir angústia, nem adivinhação, nem sofrimento. Mas ele manda tantos sinais? Até pode mandar: há quem seja viciado em ‘flirt'. Há quem o faça por desfastio, porque é divertido, para alimentar o ego, porque você é gira e o dia é comprido e às vezes ele próprio não dá por isso. Um semáforo também manda sinais, e não está interessado em si...

Quer mesmo tirar a prova dos 9 e saber se um homem está verdadeiramente interessado em si? Os cinco ‘sinais' que não mentem são:

- Mantém-se em contacto - Como bons extraterrestres, os homens apaixonados não deixam escapar a estrela que lhes ilumina a vida e arriscar-se a que ela vá brilhar para outra galáxia. Há os patologicamente tímidos, pois há, mas em 99% das vezes, se um homem está interessado em si, vai ligar-lhe, nem que seja para ouvir o som da sua voz.

- Convida-a para sair - Porque quer passar mais tempo consigo e conhecê-la melhor. Claro. Se ele bate imenso a pestana e faz muita converseta mas a coisa fica por aí, esqueça. Ou ele já tem uma namorada ou não está muito interessado em ter uma.

- Certifica-se que não o esquece - Primeiro começa a aparecer nos sítios onde já sabe que você vai aparecer, depois liga-lhe ou manda-lhe flores ou torna-se amiguinho de todos os seus amigos no Facebook. Este não a deixa a pensar se está ou não está apaixonado por si.

- Marca logo um segundo encontro - Não a deixa três dias a dormir de telemóvel debaixo da almofada e a pensar se aquele ‘número privado' que não atendeu podia ser ele a ligar do trabalho ou da nave de extraterrestres que o raptou.

- Não a deixa pendurada - Se diz que vai ligar, liga. Se diz que vai aparecer, aparece. Se tem um contratempo qualquer, avisa-a com antecedência. Não passa um mês sem dizer nada e depois torna a aparecer como se nada fosse.


Em resumo: ele está mesmo interessado em si? Se tem dúvidas, é provável que não...


fonte: activa

‘Os 40 são os novos 20', pode ler-se nos vários cartazes, espalhados pela cidade de Lisboa, que fazem publicidade à série ‘Cougar Town', que estreou há pouco no nosso país.

As cougar (puma, à letra) são mulheres de 40 anos, divorciadas, com filhos, carreira sólida e... que seduzem homens mais novos. O que tem isto que ver com alimentos que nos fazem mais jovens? Bem, custa-nos a crer que este fascínio recente pelas ‘quarentonas' tenha que ver somente com a atitude delas ou pelas sessões contínuas no cirurgião plástico. Bons genes? Sim. Personalidade? Claro! Alimentação antienvelhecimento? Sem dúvida alguma! Não há bisturi que puxe e repuxe uma pele mais encrespada que o mar da Nazaré em dia de tempestade e fique um resultado perfeito, que é como quem diz, natural. A cougar mais emblemática é Demi Moore (a actriz tem 47 anos), que jura a pés juntos que nunca fez uma cirurgia ao rosto e que a sua juventude se deve apenas à alimentação cuidada - à base de vegetais e fruta - que adoptou há dez anos. Fomos falar com Teresa Branco, fisiologista de controlo do peso, da Clínica Metabólica, para saber como podemos permanecer jovens mais anos tendo apenas nos alimentos a arma na luta contra o envelhecimento.

Armas de antioxidação maciça
Frutas e vegetais

O envelhecimento é um processo de oxidação no qual as nossas células libertam umas substâncias ‘antipáticas', que se chamam radicais-livres, e embora o nosso organismo seja capaz de combater estes maus da fita, à medida que envelhecemos vamos tendo menos capacidade para lutar contra um gangue inteiro de radicais-livres e, para isso, é fundamental chamar os reforços - os antioxidantes -, que encontramos em alguns alimentos. "Se queremos envelhecer menos depressa, temos de ter uma alimentação muito rica em antioxidantes, e estes encontram-se sobretudo na fruta e vegetais com muita cor. Quanto mais cor tiver a fruta ou o vegetal, mais rico em antioxidantes é", alerta Teresa Branco. Ficamos com a sensação de dever cumprido sempre que comemos saladas, mas, diz a especialista, "a alface é muito branca e basicamente composta por água. Devemos incluir no nosso prato agriões, espinafres, rúcula, tomate, beterraba nas saladas... são alimentos com bastante cor e promovem a nossa vitalidade. Na fruta, encontramos muitos antioxidantes nos citrinos - limões, laranjas, tangerinas, quivis - nas cerejas, morangos, amoras, framboesas..."



Ácidos gordos ómega 3

"As nossas células necessitam de ácidos gordos para se regenerarem e estes são fundamentais até para manter a nossa juventude cerebral. Os peixes gordos - o salmão, a sardinha, o arenque, o atum - têm na sua constituição muitos ácidos gordos ómega 3 e, portanto, devemos ingeri-los com muita frequência", reforça Teresa Branco.



Água

Todos os processos do nosso organismo são feitos com água. "Se não estiver permanentemente bem hidratada, envelhece mais depressa." O ideal é beber cerca de oito copos de água por dia. E não se fie na sede. É que vamos perdendo esta sensação com a idade.



Vitamina D

Ainda é do tempo em que as nossas mães nos obrigavam a engolir as drageias de óleo de fígado de bacalhau? Pois, como sempre, as mães tinham razão. Esta vitamina é essencial para a absorção do cálcio e ajuda na prevenção da osteoporose, além de fortalecer o sistema imunitário. Pesquisas recentes referem que também nos protege de doenças auto-imunes (como a esclerose múltipla ou a artrite reumatóide), hipertensão e psoríase. Os alimentos ricos em vitamina D, como o atum, salmão e sardinha (ou suplementos desta vitamina), são fundamentais para nos mantermos jovens e saudáveis por mais tempo. "Nós produzimos vitamina D através do sol, por isso, se por um lado é bom protegermo-nos dos raios solares e usar protector solar para prevenir o cancro da pele, por outro, se usarmos protectores muito fortes e não apanharmos sol, temos muito menos probabilidade de sintetizar vitamina D." Mas basta apanhar dez minutos de sol diariamente sem protecção, nos braços, por exemplo, para garantir a produção desta vitamina. E o resto do tempo use um protector.



Os 3 C - caril, cacau e chá verde

Estudos recentes atribuem propriedades anti-inflamatórias e protectoras do sistema imunitário ao caril, essencialmente porque esta especiaria contém curcuma ou açafrão-das-índias, um poderoso antioxidante e anti-inflamatório. Se não gosta de caril, tem bom remédio: use apenas curcuma, que tem um sabor muito suave.

Se é daquelas pessoas que só bebe água quando o rei faz anos ou estão 40ºC à sombra, uma forma de se hidratar e, ao mesmo tempo, receber uma boa quantidade de antioxidantes, é beber chá verde. "Um bom chá verde é uma infusão que está em água uns 7/8 minutos para a água receber as suas propriedades fundamentais", aconselha a fisiologista.

Deixámos para último uma ‘prenda' para as mais gulosas: cacau. Mas nada de bombons ou chocolate de leite. Sempre amargo, de preferência puro, 100%, ou então um chocolate com um teor de cacau acima dos 70%. Pode satisfazer o seu desejo por doces, duas a três vezes por semana, com cerca de 30g. Descobriu-se que o chocolate preto, amargo, contém polifenóis, os antioxidantes encontrados no vinho tinto e chá verde, e flavonóides, que ajudam na prevenção de doenças cardíacas. Uma tentação boa para a sua saúde!

Fonte: activa

Alimentos que podem prolongam a juventude

Publicado em novembro 09, 2010
‘Os 40 são os novos 20', pode ler-se nos vários cartazes, espalhados pela cidade de Lisboa, que fazem publicidade à série ‘Cougar Town&...
Já pensou que muitos dos problemas que tem na sua vida já foram vividos por outras pessoas? E que muitas os conseguiram ultrapassar com eficácia? E que ainda algumas delas relataram essas experiências em livros?

Nos dias de hoje, é fundamental continuar a investir na obtenção de mais conhecimentos e aquisição de competências. Muitas pessoas continuam a trabalhar com base nos mesmos conhecimentos que adquiriram há anos. É como ser lenhador e nunca afiar o machado. Assim, apesar de, por vezes, ser difícil afiar o mesmo, o que é facto é que se torna muito mais fácil e rápido posteriormente cortar uma árvore ou vencer um novo desafio.

Há quem diga que ler um livro é como ter uma conversa com o autor do mesmo e que somos a média das pessoas com quem nos relacionamos. Se assim é, não gostaria de se elevar a si própria, trazendo para as suas relações algumas das pessoas mais inteligentes e interessantes que existem? “Diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és”, pelo que nada como se rodear dos melhores para também se tornar melhor.

Se isto ainda não são argumentos que cheguem, sabia que a aprendizagem contínua é um dos factores que mais está relacionado com a longevidade e a saúde mental? Nesse sentido, o meu primeiro desafio é: pense em algo que gostaria de aprender, procure um livro que a ajude e ponha mãos à obra nas próximas 24 horas. Invista em si, afie o seu machado.

Falemos agora do outro lado da moeda, a perspectiva de quem escreve. Sabia que escrever é uma das actividades que mais pode contribuir para o seu bem-estar, principalmente quando se sente “em baixo” ou perante algum desafio que a atormenta? Estudos diversos comprovam que pessoas que têm por hábito escrever regularmente são tendencialmente mais felizes. É um processo muito eficaz até mesmo em casos traumáticos, pois o acto de escrever permite à pessoa ganhar distanciamento sobre a sua “história” e, com isso, reorganizar de forma mais saudável as suas memórias, assim como as narrativas construídas à volta das mesmas.

Coloco-lhe, então, o segundo desafio: arranje um caderno e comece a escrever regularmente acerca da sua vida: o que sente, que desafios tem à sua frente, que objectivos gostaria de atingir no futuro, etc. Não precisa de o fazer diariamente. Experimente no início escrever 5 a 10 minutos, uma a duas vezes por semana. E deixo-lhe um truque: não pense. Simplesmente pouse a caneta no papel, relaxe e deixe surgir as palavras. Não se preocupe se as mesmas não fizerem sentido, não está a concorrer para prémio Nobel da Literatura... Deixe apenas fluir...

Escreva para si, consigo.

Fonte de texto: sapo
Aprovisione um stock semanal de frutas e legumes que sejam fáceis de comer nos intervalos: maçãs, pêras, couve rábano, cenouras, pimentos, rabanetes, pepinos, curgetes ou aipo são as opções ideais. 

Corte a fruta e os legumes em pedaços.
Quando estiver em viagem, utilize caixas herméticas, muito práticas para conservar a fruta e os legumes depois de preparados.

Utilize queijo fresco com ervas aromáticas ou queijo quark para servir de molho aos legumes.

Compre pão integral embalado ou tostas. Combine com um pouco de queijo e alguns pedaços de maçã ou tomate cortado em gomos para ficar rapidamente saciado, e por muito tempo.

Misture muesli sem adição de açúcar com leite magro ou iogurte magro; é rápido de preparar e fácil de conservar durante alguns dias.

Dicas para uma refeição rápida

Os legumes ultracongelados são fáceis de preparar e demoram tanto a servir como uma refeição ultracongelada. Se aproveitar para aquecer o peixe congelado com os legumes consegue, como que por magia, apresentar uma refeição saborosa, saudável e pobre em calorias em 15 minutos.

Saboreie a carne ou o peixe, preferencialmente sem serem fritos ou panados.

A preparação de uma salada saborosa ou de um prato de legumes é mais fácil se utilizar uma picadora multifuncional. Os legumes ficam picados num instante e depois basta combiná-los com um molho delicioso ou cozinhá-los durante alguns instantes.

Acompanhe as saladas ou os legumes com alimentos ricos em proteínas para que a sensação de saciedade se prolongue por mais tempo. Para uma refeição rápida utilize camarão, ovo cozido, peito de peru, tofu ou um bife.

As massas são fáceis de conservar e constituem uma base excelente para uma refeição rápida. Ficam al dente em menos de 10 minutos. Junte-lhe o molho de tomate preparado com tomate triturado e combine com especiarias frescas ou secas, que pode ir variando. Acompanhe com uma salada, que pode ser comprada já lavada e preparada. Junte um pouco de azeite e vinagre e já está! A sua refeição ligeira está pronta, é rica em nutrientes essenciais, sacia e contribui pouco para o saldo calórico.

Com os legumes ultracongelados ou frescos pode ainda preparar rapidamente uma sopa ou um guisado, que continua saboroso no dia seguinte. Utilize um caldo de legumes, ao qual junta os legumes cortados em pequenos pedaços. Se preferir cremes, pode passar a sopa. Se gostar de enriquecer um pouco o prato, adicione peito de peru cortado em cubos, camarões ou filetes de peixe. Estes acompanhamentos ficam cozidos em pouco tempo e aumentam a sensação de saciedade.

Dicas do lidl